Expressão de uma espiritualidade (org.)

Esta iniciativa trata da segunda homenagem ao Botelhão [1927-2005] associada à sugestão oferecida em vida a ele por este organizador de que seus escritos fossem compilados para forma digital, a qual foi transformada em compromisso após a sua morte. Esse processo serviu para transformar a amarga saudade da falta de sua presença em doce lembrança dele em nossa memória. Agora devemos transcendê-la para realizar o Ser, Unidade Absoluta e Eterna de Consciência, Realidade e Bem-Aventurança, na qual devemos buscar a imortalidade e a liberdade definitivas, na perspectiva da Liberação, adotado, portanto, o Caminho para a superação do infindável ciclo de mortes e renascimentos. Nesse caminhar, o Botelhão deixará, progressivamente, de ser meu pai e passará a ser meu irmão de caminhada espiritual, para, ao fim e ao cabo, Sermos Um Só. Em verdade, já o Somos, apenas não nos damos conta desse Conhecimento.

Acesse este livro no Clube de Autores.

Livro Relacionado